QUAL O LIMITE DO SEU CARTÃO DE CRÉDITO?

Fabiana M. Machado

Quando se fala em limite do cartão de crédito, talvez você pense em um valor: R$ 1.000,00, R$ 5.000,00, R$ 20.000,00… Para a administradora do cartão, o limite é esse valor que está disponível para você gastar. Mas, para você, qual é o limite?

O cartão de crédito é um meio fácil de pagamento, mas também um meio fácil para distanciar você da sua realidade financeira.

Quando usamos o cartão de crédito, gastamos mais do que quando usamos o dinheiro, principalmente nas compras parceladas. Muitas vezes, temos o prazer da compra e o cartão nos permite pagar por isso sem ter que contar as “notas de dinheiro”.

Esquecemos das compras que fazemos com o cartão e só vamos lembrar delas na hora de pagar a fatura do cartão. E aí você pensa: Aquele jantar valeu mesmo à pena? Sim, é preciso se divertir, mas será que precisava gastar tanto?

E os gastos aumentam quando você acredita que o valor disponível para fazer as compras no cartão é o seu limite para gastar.

É como se fosse uma outra fonte de renda ou um complemento do seu salário. Mas, na verdade, o limite do cartão é o valor do crédito disponível para você usar (e pagar bem por isso!). Quem não consegue pagar a fatura do cartão sabe bem quanto custa esse limite. É nada menos do que um empréstimo!

Então, fique atento: o verdadeiro limite do seu cartão é o limite que você tem de dinheiro e está disposto a pagar pelos seus gastos.

E não importa se o limite do cartão é menor ou maior do que a sua renda ou salário. É uma ilusão, que dá a você a sensação de que pode gastar mais do que realmente precisa e pode se tornar uma “bola de neve” de dívidas se você não tiver condições de pagar.

Use o cartão como facilidade e tenha sempre em mente que o cartão é uma forma de pagamento e não uma despesa.

Dicas simples podem ajudar a ter mais controle e usar de forma consciente o seu cartão de crédito:

  • Faça uma lista do quanto você pode gastar no cartão. Quais despesas serão pagas pelo cartão?
  • Não aguarde a fatura: uma vez por semana, some o quanto gastou no cartão. Você tem dinheiro para pagar?
  • Inclua as compras parceladas na sua lista de despesas mensais. Você já pode ter usado ou consumido, mas elas ainda precisam ser pagas!

E, quando oferecerem a você um aumento do limite do cartão, questione-se: pra quê?

Fabiana M. Machado

Sócia-fundadora da MoneyMind®, especialista em comportamento financeiro, consultora e planejadora financeira e tributária.

Quer saber mais? Acompanhe as novidades nosso blog e aproveite o conteúdo especialmente preparado para você refletir sobre o impacto da relação com o dinheiro na sua vida.

Quer ajuda profissional para melhorar a sua relação com o dinheiro? Entre em contato. Será um prazer ajudar você.

Entre em contato