5 MANEIRAS DE USAR A RENDA EXTRA DO FIM DE ANO E EQUILIBRAR AS FINANÇAS

Fabiana M. Machado

Após longos meses de incertezas com a vida financeira, o mês de dezembro traz uma certa esperança para quem recebe o décimo terceiro salário, bonificação ou gratificação ou, ainda, consegue uma renda extra. É um alívio para o bolso neste período natalino, mas que merece atenção e planejamento para não acabar em gasto extra.

Listei aqui 5 maneiras de usar a renda extra como oportunidade para iniciar 2021 com a vida financeira mais equilibrada:

1. Coloque as contas em dia

Faça uma lista do que está devendo e pague as dívidas, principalmente aquelas em que os juros são muito altos, como o cheque especial e o cartão de crédito. Lembre que, com o dinheiro na mão, é mais fácil negociar uma redução da dívida. 

2. Guarde

Depois de tanta restrição sofrida na quarentena, pode ser tentador sair gastando o dinheiro extra como se fosse o seu presente de Natal, afinal, você merece! Mas você também merece ter uma vida financeira tranquila, sem cobranças e preocupações com as dívidas. Então, dê valor ao seu dinheiro. Ele é tão valioso quanto aquilo que você quer comprar. Será que vale a pena sacrificar a sua paz por coisas que podem ser esquecidas no fundo do armário ou não ter utilidade durante o ano?

3. Limite os gastos com os presentes de Natal

O sufoco de 2020 nos deu uma lição: rever os nossos hábitos. Em nossas reflexões, cabe avaliar esta tradição de presentear, que aumenta a despesa, o dinheiro gasto não vai para aumentar a reserva e, ainda, pode prejudicar o orçamento. Será que ainda faz sentido gastar e não economizar dinheiro para quando precisar? Portanto, estabeleça um limite, não utilize toda a renda extra em presentes e faça a compra com dinheiro à vista. Acumule dinheiro e não dívidas.

4. Não gaste o dinheiro que ainda não recebeu

Neste ano, para muitas pessoas, o décimo terceiro salário será reduzido, parcelado ou sem data para receber. Então, não assuma dívidas e aguarde receber o dinheiro antes de ir às compras usando crediários, empréstimos ou cartão de crédito.

5. Utilize para as despesas no início do ano

Além das festas de fim de ano, você irá viajar? Planeje. E lembre que o ano novo começa com alguns compromissos financeiros extras, como pagamento do IPTU, IPVA, entidades de classe profissional (advogados, contador, psicólogos, dentistas, etc.), material escolar, e a renda extra pode salvar!

Fabiana M. Machado

Sócia-fundadora da MoneyMind® e especialista em comportamento financeiro. Colunista do Bella Mais, escrevo textos sobre o comportamento financeiro e a relação com o dinheiro.

Quer saber mais? Acompanhe nosso blog.

Quer ajuda profissional para melhorar a sua relação com o dinheiro? Entre em contato. Será um prazer ajudar você.

Entrar em contato

*Este texto foi publicado no site Bella Mais.